Força tarefa.

força tarefa

Fiz a bobagem de ver o novo seriado policial da globo, Força tarefa. Fiz a besteira de dizer que poderia sair alguma coisa boa, já que tinha nomes como Marçal de Aquino e Fernando Bonassi por trás. Fiz a cagada de não checar o currículo do diretor, Alvarenga Jr. Fiz a idiotice de achar que a globo poderia fazer algo fora do padrão globo de qualidade.

Nada se salva nessa série. Nada. Nada. Nada. Nem se eu quisesse, poderia elogiar. Não saberia como fazer. Tudo é tão ruim e fraco que fica até complicado pra falar mal. Citar cada erro aqui iria tornar esse texto uma enorme lista. É mais fácil dizer assim, pense num item qualquer de uma produção televisiva. Pode escolher qualquer coisa. Escolheu? Pois é, eles não souberam fazer. Quer tentar outra? Fique a vontade, tampouco prestará.

Pra dizer que não falei de nada, fico com o que achei que seria bom. A história. O seriado se chama Força tarefa e deveria ser sobre a corregedoria da policia – policias que investigam outros policiais. Prestem atenção, eu escrevi DEVERIA. A maior parte do tempo acompanhamos os bandidos, melhor dizendo, a mulher do bandido. A tal investigação policial é basicamente, Vai lá conversar com a esposa. Volta lá pra falar com a esposa. Vai de novo encontrar a mulher dele. Quando não vemos policiais querendo falar com ela, vemos ela dormir, andar, receber cartas. Assim nem dá pra falar muito mal do elenco, que aparece muito pouco. Quer dizer dá pra falar muito mal, pois mesmo nesse pouco fica evidente a cara-de-cu do Murilo e a canastrice dos outros, que não sabem nem segurar uma arma e parecer policiais.

Eu disse que não ia ficar citando e vou parar por aqui. Não façam a estupidez que eu fiz. Fiquem longe disso. É uma das piores coisas que já vi na televisão, das mais vergonhosas quando pensamos no dinheiro gasto e na publicidade que recebeu. Melhor é ver as reprises do Chaves no SBT – e eu sou um daqueles que nunca gostou de Chaves. Melhor ler gibi da Turma da Mônica. Melhor comer jiló.

Anúncios

~ por GOM em 23 abril 2009.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: